House music e instalação interativa, no Bar Marques

Dj André Urso fará set de house music
Dj André Urso fará set de house music

Nessa Quinta (15 de janeiro) tem festa do Bonfim, mas tem também Coktail Party, as festas que estão animando as quintas do Bar e Lounge Marques, na Barra (Salvador). Se você não é de andar até a Colina Sagrada, pode gastar as pernas na nossa pista de dança ao som da melhor e mais animada house music. Mas se você foi pra festa e quer esticar a animação em grande estilo pode aparecer também. Ambiente bacana, gente legal, bons drinks, muita animação e no som Dj André Urso tocando o melhor da house. Então é só aparecer. Nos vemos lá!

Dj André Urso faz set na Cocktail Party, com instalação audio-visual de Vj pixel

Andre Urso é dj e faz parte do coletivo Pragatecno há quase 10 anos. Nesse período, sempre esteve envolvido na produção de festas que ajudaram a difundir e popularizar a cena eletrônica de Salvador. Foi estudante de piano clássico e teve banda de rock antes de descobrir a música eletrônica. Como dj, seus sets se concentram na house music, mas também buscam traduzir a diversidade musical de quem é apaixonado por estilos como o rap, a bossa nova, samba jazz, clássico, jazz, soul, MPB e música africana, entre muitos outros. Atualmente, tem o blog eletr/sista´s, onde escreve resenha dos discos que ouve e gosta.

Imagens experimentais

vj pixel, um dos pioneiros da cena vjing no Brasil
vj pixel, um dos pioneiros da cena vjing no Brasil

O vj pixel (http://vjpixel.net) vai exibir seu projeto Surfluz, criado por ele mesmo. “É uma interface interativa desenvolvida inteiramente com softwares livres, composta principalmente de três elementos interligados. O primeiro deles que permite ao público desenhar em sua tela utilizando LEDs infravermelhos”, explica o vj. Os desenhos, após finalizados, são animados e percorrem um trajeto definido por sua forma, com velocidade semelhante à que o usuário fez o desenho. “Outro elemento é responsável por misturar vídeos em tempo real, utilizando um software de edição ao vivo, criando mais uma camada na imagem. O último elemento é um mixer de vídeo, que cuida da interação entre os produtos dos dois anteriores”.

pixel informa que o Surfluz pode funcionar como uma instalação, onde o público interage com os três elementos, ou pode ser montado como um instrumento em uma performance de VJing, seja ele manipulado pelo público ou por VJs. “Quando Surfluz é montada como instalação, utiliza o sistema operacional GNU/Linux, além dos softwares Linux Electronic Whiteboard, Processing, Yellowtail e LiVES. É possível ver seu funcionamento em um vídeo online”, complementa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s