P R A G A T E C N O

rede colaborativa em torno da cultura do dj e cibercultura, cultura livre

Sarau Djs 2012- música, mercado, novas mídias

Sarau Djs 2012- música, mercado, novas mídias

Realização: LinkLivre & grupo Djs do Cahl-UFRB (Bahia)

http://www.ufrb.edu.br/linklivre/sarau-dj-2012-musica-mercado-novas-midias

Coordenador(es):
Cláudio Manoel Duarte (Curso de Cinema e Audiovisual‐Cahl)/LinkLivre
Samir Suzart/Jefferson Parreira (alunos do Curso de Cinema e Audiovisual/UFRB)

Local de realização:
Auditório e Foyer/Sala de Vídeo (ou Estúdio de TV) ‐ Cahl – Cachoeira
Data: Dias 24 e 25/maio
Período de inscrição: de 03 a 23 de maio/2012
Local de inscrição:
Formulário on line, com confirmação presencial na Secretaria da Coordenação do curso de Cinema e Audiovisual‐Cahl‐UFRB
(http://www.ufrb.edu.br/linklivre)

O evento
Sarau Dj 2012 – música, mercado, novas mídias – composto de conferência, mini palestras, debates, oficina, exposição fotográfica e mostra de videos ‐ é uma ação que visa discutir a interação entre música, mercado, novas mídias, com foco na cultura do dj. O evento – que se pretende anual ‐ tem ainda uma interface entre a Universidade e as comunidades de São Félix e Cachoeira, conectando escolas de ensino médio para participação nas atividades. É realizada pelo grupo de alunos/DJs Cahl/UFRB, com Samir Suzart, Jefferson Parreira (coordenadores), Jhones Nunes, Daniela Pereira, Wendel Gomes, Ivan Márcio Santana, Camila Mota e Rafael Ribeiro (Curso de Cinema e Audiovisual), Lorena Morais (Jornalismo), Murilo Lobo e Cleiton Saccomani (Comunidade‐São Félix) e LinkLivre/UFRB.

A acão faz parte da Linha de Pesquisa Arte e Tecnologias do Grupo de Estudos e Práticas Laboratoriais em Plataformas e Softwares Livres e Multimeios‐LinkLivre (UFRB/CNPQ), na Linha Arte e Tecnologia.

Objetivo:
Promover uma discussão sobre a cultura do dj e sua conexão com os novos suportes
tecnológicos, bem como ampliar a interação da instituição UFRB com as escolas locais de ensino médio

Atividades
OFICINA DE DISCOTECAGEM – A Oficina será realizada em dois dias, num total de 16 horas, para um grupo de 15 alunos do ensino médio.

CONFERÊNCIA – Palestra de abertura do evento, com duas horas de duração e tema: “Mp3, indústria fonográfica e djing”, com Messias Bandeira.

MESA‐REDONDA E MINI PALESTRAS – Acontecendo em horários diversos (sexta‐feira pela manhã / tarde), com os temas: “Dj e regulamentação da profissão”, com Adriana Prates e Samir Suzart; e “Suportes musicais e djing”, com Mauro Telefunksoul e Cláudio Manoel

MOSTRA DE VÍDEOS – Exibição de documentários sobre cenas de música eletrônica.

MOSTRA DE FOTOGRAFIA – Exposição educativa sobre a história das tecnologias para a música
eletrônica, desde 1867 até os dias atuais.

AUDIÇÃO SONORA – Banco de dados de áudio com exemplos de diferentes gêneros da música eletrônica para audição individual, via fone.

LOUNGE – Ambientes com dj executando música para integração dos participantes, na quinta‐feira e sexta‐feira, após as palestras.

palestrantes
MESSIAS BADEIRA (doutor/UFBA)
ADRIANA PRATES DJ (mestre/Sociologia)
MÁRCIO CAMPOS DJ
MAURO TELEFUNKSOUL DJ
CLAUDIO MANOEL (mestre/UFRB)
SAMIR SUZART DJ

O evento é aberto a alunos (inclusive alunos secudaristas de Cachoeira e São Félix), professores, Pesquisadores no Campo das Artes e Comunicação, Artistas, DJs,
músicos.

Sobre pragatecno

Um coletivo, uma rede norte nordeste em torno da cultura do dj A idéia é a troca de informação, parcerias, cultura livre, rede colaborativa em torno da cultura do dj e cibercultura O Pragatecno, criado em 24 de janeiro de 1998, é um núcleo de e-music no norte-nordeste. Sua idéia principal é procurar trazer à tona as novidades da cultura experimental, não comercial da música eletrônica e cibercultura, através da troca de informação entre djs e produtores nessas regiões. O Pragatecno defende que a cultura da música eletrônica é uma expressão artística da Cibercultura. “Música eletrônica é arte experimental, é arte contemporânea”, defende o grupo em seu site (www.pragatecno.com.br). Fazem parte dessa conexão djs parceiros que atuam nas cidades de Belém do Pará, São Luis, Fortaleza, João Pessoa, Maceió e Salvador. Podemos definir o Pragatecno como uma conexão norte e nordeste para fortalecer a cultura experimental da música eletrônica.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 29/04/2012 por em CULTURA DO DJ e marcado .
%d blogueiros gostam disto: